TACCO nos Açores / Teatro

TACCO nos AçoresTACCO nos AçoresTACCO nos AçoresTACCO nos AçoresTACCO nos AçoresTACCO nos AçoresTACCO nos AçoresTACCO nos AçoresTACCO nos AçoresTACCO nos Açores
TACCO nos Açores

O TACCO, Teatro Amador do Círculo Católico de Operários (CCO), apresentou na Graciosa, nos Açores, a peça “A Herança de Faustino Miséria”, no âmbito de um intercâmbio com o grupo graciosense “A Semente” e integrado no Festival Internacional de Teatro daquela Ilha.

O excelente desempenho do TACCO agradou e divertiu bastante o público presente no Centro Cultural de Santa Cruz, tendo o grupo recebido, no final, vários elogios pelo trabalho apresentado e votos de muito sucesso.

Aliás, foi com grande simpatia e amabilidade que o TACCO foi recebido pela população da Graciosa que os abordava na rua, criando-se várias amizades e momentos de muita alegria.

“A Semente”, o Museu da Graciosa, a Câmara Municipal e a Paróquia de Santa Cruz tudo fizeram para proporcionar uma agradável estadia ao TACCO o que nos leva a deixar aqui o nosso sincero agradecimento.

Contudo, queremos também expressar a nossa gratidão ao Dr. Jorge Cunha, Diretor do Museu da Graciosa, e aos elementos do grupo “A Semente” que nos acompanharam e proporcionaram-nos uma visita a toda a Ilha, dando-nos a conhecer a sua história e tradições.

Obrigada Gracisosa por tamanha graciosidade!