Gala 110 anos do CCO

Julho 12, 2015


No próximo dia 23 de julho, o Circulo Católico de Operários (CCO) de Vila do Conde festeja 110 anos de vida numa Gala Comemorativa, às 21h30, na sede do CCO.

Nesta festa, vamos homenagear 13 sócios, que completam 50 anos de filiação, com a entrega do emblema de ouro da Associação.

A Banda do Galo do Círculo Católico de Operários de Barcelos irá animar a sessão, assim como o grupo de teatro TACCO e a baCCO Band.

Será também lançada a brochura da exposição permanente “Narrativa Mural CCO 110: 110 anos de património humano”, inaugurada no passado dia 3 num ambiente muito participado e divertido, em que a Banda do CCO apresentou um mini concerto à frente da sede da Associação.

Do dia 23 de julho de 1905, conta a história que foi no salão nobre da casa do Conde de Margaride, na avenida Júlio Graça, numa sessão presidida pelo Padre João Roberto Maciel e com a participação de um avultado número de pessoas, que foi fundado o Círculo Católico de Operários de Vila do Conde.

A comissão instaladora era constituída por Joaquim Luís de Sousa, então presidente da Câmara Municipal, bem como pelos históricos Dr. Alberto Pinheiro Torres e Padre José Praça, os quais entenderam dinamizar a fundação da Associação.

Portugal assistiu ao aparecimento de dezenas de Círculos Católicos de Operários, um pouco por todo o país, dos quais apenas subsistem actualmente os do Porto (1898), Barcelos (1903) e Vila do Conde (1905).

Para além de assistir à sessão comemorativa, que está a ser preparada com muito afinco e promete momentos bastante divertidos, poderá ainda visitar a exposição permanente sobre a história do CCO que pretende, acima de tudo, homenagear todos aqueles que contribuíram para a longa existência desta Associação.

Etiquetas:

Comentar

Tome atenção que os comentários são moderados. Por favor comente respeitando os outros e usando linguagem correcta.