“Opus” é a comédia que se segue…

Novembro 13, 2016


O FesTacco – Festival de Teatro Amador do CCO continua na próxima sexta-feira, às 22h, no Auditório do CCO, com a peça “OPUS”, trabalho premiado e distinguido em vários eventos de teatro, interpretada pela Companhia de Teatro Ajidanha de Idanha-A-Nova.

A comédia teatral “OPUS” tem conquistado o público por onde passa, enchendo inúmeras salas de espetáculo. As gargalhadas e os aplausos têm sido uma constante para esta peça, “centrada na figura de um Criador que, encontrando-se aborrecido num determinado momento da Sua eternidade, começa a criação de todo o Universo”.

“Mas, como em todas as obras, há sempre um elemento imperfeito. Esta peça fala Dele e das suas dúvidas e angústias, na companhia de quem fez Dele, quem Ele é”.

“OPUS” conta com a encenação de José Carlos Garcia e é interpretada pelos atores Bruno Esteves e Rui Pinheiro que, ao longo do espetáculo, encarnam diversas e surpreendentes personagens.

O encenador José Carlos Garcia foi co-fundador e co-diretor artístico da Companhia do Chapitô. Desde 1997, tem desenvolvido o seu trabalho de encenação em inúmeros projetos, e participou já em diversas séries televisivas como “O Fura-Vidas”, “A minha família é uma animação” e “Liberdade 21”. Em 2010, integra o elenco da telenovela da SIC “Laços de Sangue” e em 2012 integra o elenco da série “Depois do Adeus”, como protagonista para a RTP1.

O ator Bruno Esteves foi co-fundador da Companhia de Teatro Cães à Solta, na qual desempenhou as funções de encenador, ator e técnico de luz. Para além das participações em diversas peças, desempenhou também funções de encenador em vários trabalhos.

O ator Rui Pinheiro frequentou diversas formações na área do teatro, é Presidente fundador da Ajidanha e tem participado como ator e produtor executivo em diversas peças produzidas para esta Associação.

De referir ainda que a companhia Ajidanha venceu, entre outros prémios e distinções, o CALE-se, Festival Internacional de Teatro de Vila Nova de Gaia, edição do ano passado.

O festival decorre até 3 de dezembro (sextas e sábado, dia 3), às 22 horas, no Auditório do Círculo Católico de Operários de Vila do Conde (Av. Dr. João Canavarro, 335).

Para mais informações e/ou reservas, queira, por favor, contactar-nos através do telefone 252 632 465, email info@ccoviladoconde.com ou facebook.

“O Falecido Menéres” da Officina de Teatro Popular do Porto foi o último espetáculo do FesTacco. O brilhante desempenho do grupo portuense divertiu bastante o vasto público presente, reinando a boa disposição e as gargalhadas em contraste com o ambiente fúnebre criado.

Veja aqui um pequeno excerto do último espetáculo

Etiquetas:

Comentar

Tome atenção que os comentários são moderados. Por favor comente respeitando os outros e usando linguagem correcta.